Frontpage Slideshow (version 2.0.0) - Copyright © 2006-2008 by JoomlaWorks

Mensagens do Dia

  • 1
  • 2
  • 3

Sejamos dóceis aos projetos de Deus

 Sejamos dóceis aos projetos de Deus

        Deus quer ter muitos trabalhadores em Sua messe, mas não quer sab... Leia mais

Estou cansado demais! O que eu faço?

Estou cansado demais! O que eu faço?

        Um dia, disseram-me que nunca utilizamos toda a energia que possu... Leia mais

Onde estão seus talentos?

Onde estão seus talentos?

        “Como bons administradores da multiforme graça de Deus, cada um co... Leia mais



Assinala-se hoje o centésimo aniversário do nascimento de Henri Grouès, o padre católico francês que ficou conhecido como Abbé Pierre (1912-2005).

O sacerdote é evocado pelo Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura (SNPC) numa série de peças em que se recorda o seu compromisso em favor dos mais necessitados, desde a juventude, e a sua luta contra as injustiças, a começas na II Guerra Mundial, quando se juntou à Resistência.

Preso pelo exército alemão em maio de 1943, numa altura em que tinha assumido o nome Abbé Pierre, o padre francês foge, passa pela Espanha e chega à Argélia, onde encontrará o general de Gaulle.

Terminada a guerra, lança-se na política através do ingresso no Movimento Republicano Popular, que abandonará posteriormente.

Em 1949 propõe um projeto-lei que visava o reconhecimento da objeção de consciência e empreende a construção, frequentemente ilegal, de alojamentos para famílias sem-abrigo.

A residência do sacerdote, uma casa deteriorada que restaura em Neully-Plaisance, arredores de Paris, torna-se um albergue de juventude internacional batizado “Emaús”.

“Começa aqui o combate conta a exclusão, a partir de uma ideia simples mas que ao tempo era inovadora: a revenda de objetos recuperados”, destaca o SNPC.

As primeiras comunidades de Emaús nascem segundo o princípio «dá-me a tua ajuda para ajudar os outros».

“Emaús tornou-se uma recuperação de homens a propósito da recuperação de coisas”, definiu o Abbé Pierre.

Em fevereiro de 1954, o responsável reage a uma vaga de frio lançando um apelo de socorro aos microfones da rádio RTL, que desencadeou a chamada “insurreição da bondade”, que permitiu a construção de alojamentos de emergência.

“Apesar da sua saúde frágil, Abbé Pierre multiplicava-se em viagens – escapou de um naufrágio em 1963, no rio de la Plata, Uruguai – tornando-se a voz dos sem-voz”, destaca o perfil biográfico traçado pelo SNPC, organismo da Igreja Católica em Portugal.

No início dos anos 80 a comunidade de Emaús organiza a distribuição noturna de alimento; em 1984 funda, com outras instituições, o Banco Alimentar e reforça-se a ação em favor dos sem-abrigo.

Em 1988 é criada a Fundação Abbé Pierre, que continua o trabalho de alojamento dos desfavorecidos.

Na década de 90, o sacerdote abraça a causa dos direitos dos imigrados: mo Pentecostes de 1991, jejua na Igreja de São José, em Paris, com um grupo de pessoas que mantinham uma greve de fome por lhes ter sido negado o direito de asilo.

“Nunca deixou de estar ao lado dos sem-abrigo e dos indocumentados, combatendo o «mal da indiferença». É, por isso, uma das figuras mais queridas dos franceses, tendo sido várias vezes condecorado pelo Estado”, complementa o SNPC.

Abbé Pierre morreu a 22 de janeiro de 2007, às 05h25, num hospital de Paris, onde estava internado há cerca de uma semana, devido a uma infeção pulmonar.

(Fonte:Ecclesia)

Noticias Canção Nova

  • 1
  • 2
  • 3

Lumen Gentium faz 50 anos

Lumen Gentium faz 50 anos

D. Manuel Felício, bispo da Guarda, considera a constituição Lumen Gentium "estruturante" do II Concílio do Vaticano e defende que a relação comunitária “é o grande «deficit» da sociedade actual”. No artigo sobre a Constituição Dogmática «Lumen Gentium» que celebra, esta sexta-feira, 21 de novembro, os cinquenta anos da sua promulgação pelo Papa Paulo VI, o bispo da Guarda realça que este documento “estruturante da árvore” do II Concílio do Vaticano “pretende responder à pergunta fundam... Leia mais

Façamos largo uso da misericórdia, da ternura e do perdão do Senhor

Façamos largo uso da misericórdia, da ternura e do perdão do Senhor

Ao meio-dia deste domingo dia 16 de novembro o Papa Francisco recitou o Angelus da Janela do Palácio Apostólico. Começou por comentar o Evangelho deste Domingo que nos conta a parábola dos talentos segundo S. Mateus: a narrativa de um homem que antes de partir para uma viagem, convoca os seus servidores e confia-lhes o seu património em talentos, moedas antigas de grandíssimo valor. Aquele patrão confia ao primeiro servidor cinco talentos, ao segundo dois e ao terceiro um talento: “Dur... Leia mais

Não dar escândalo, perdoar sempre e ter fé

Não dar escândalo, perdoar sempre e ter fé

Não dar escândalo, perdoar sempre e ter fé – esta a mensagem principal do Papa Francisco na manhã de dia 10 de novembro em Santa Marta. Partindo da Leitura do Evangelho de S. Lucas o Santo Padre desenvolveu a sua homilia nomeando três palavras claras: escândalo, perdão e fé. Iniciou, desde logo, pela primeira palavra: escândalo.“Mas quantas vezes ouvimos: ‘Mas eu não vou à Igreja porque é melhor ser honesto em casa e não andar como aquele ou aquela que vão à Igreja e depois fazem ist... Leia mais

Em Destaque



Destaque - Blog Benfeitor

Missa do Clube da Evangelização, dia 7 de Novembro 2014

“A Eucaristia é a fonte e ápice de toda a vida Cristã. Os demais sacramentos, assim como todos os ministérios eclesiásticos e tarefas apostólicas, ligam-se à Sagrada Eucaristia ordenando-se a ela. Pois a sagrada Eucarist... Leia mais

A Verdadeira Felicidade

“Faça um trabalho pessoal para crescer ao máximo na sua fé, para ser aquilo que Deus desejou de você: uma pessoa de fé inabalável em um Deus vivo, que está no meio de nós.” Monsenhor Jonas Abib Durante muito ... Leia mais

Destaque - Blog Livraria

Destaque - Blog Eventos

Subscrever Newsletter




Calendário de Eventos

Pe. Jorge Guarda-Sementes do Evangelho

CREIO EM DEUS AMOR

CREIO EM DEUS AMOR

  O símbolo da fé cristã começa por afirmar “creio em Deus, Pai todo-poderoso…”. Creio… é a resposta do homem a Deus, que se lh... Leia mais

Formação - Canção Nova

  • 0
  • 1
prev
next

Quem governa o trem da sua vida?

News image

O comandante é o personagem principal nas viagen... Leia Mais

O que é preciso para ser feliz?

News image

“A nossa vida não deve ser caracterizada por inq... Leia Mais